Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2016

Carta ao acaso

Imagem
São Paulo, 16 de abril de 2016

Peço licença, pois no local da saudação colocarei uma explicação, está carta é sim direcionada a alguém, mas essa pessoa irá ler e saber na hora que me refiro a ela, os outros não precisam necessariamente saber quem é.

Não é uma amizade antiga, mas é intensa, temos muitas histórias para contar? Talvez, todavia, podemos não contar, apenas para ter isso como um segredo entre nós.

Há quem confunda o sentimento com algo a mais, existiram pessoas que pensaram coisas errôneas, mas hoje não mais. Brigamos? Quase sempre, por motivos idiotas, que no caso quem começa não sou eu! Hahah

Confusões, má interpretação, falta de comunicação, desencontros. Tudo está ligado às discussões, mas, cá entre nós, quem nunca discutiu com alguém que é especial?

Poderia ter escrito para qualquer pessoa, em qualquer lugar, várias propostas interessantes, mas, preferi endereçar a um amigo, já que, nunca havia escrito nada para tal, ou tinha? Não me lembro ao certo, aí essa mania de e…

Um dia transformador

Sempre temos um dia, aquele dia em que tudo da errado, perde a hora, responde de mau jeito sem perceber, passa mal, toma atitudes erradas e por ai vai. Mas, por mais chatos e estressantes que sejam, devemos passar por eles e adquirimos uma espécie de experiência com ele.
Pensem, no primeiro dia de bad de vocês, o que fizeram? Choraram e comeram chocolate, faltaram aos compromissos, porem, no dia seguinte ainda estavam vivos e teriam que enfrentar a vida de qualquer jeito. Agora, quando esse dia chega, você enfrenta, tem que sair? Sai. E tem a certeza que no dia seguinte tudo melhora.
Maus dias servem para testar os nossos limites, nos mostrar o real valor de dias de alegria, para que possamos aproveita-lo ao máximo sempre. O aprendizado sempre vem, as vezes, demoramos a enxerga-lo, outras nos fazemos de cegos para camuflar o sentimento. Entretanto, quando o tempo passa e as magoas acabam, conseguimos ver a situação de maneira geral, distinguindo tantos os pontos bons como os ruins.