Postagens

O primeiro dia de uma nova forma de encarar a vida

A vida é constituída por varias fases e, as vezes, nós precisamos escolher sair de uma delas. Escolhi sair dessa pois já não combinava com a pessoa que eu me tornei, já não cabia em mim aquele vestido de princesa a procura de um príncipe. Era hora de mudar e eu mudei. 
O primeiro dia foi uma sucessão de estranhezas e a todo momento eu precisava lembrar que não devia agir da forma antiga. Eu sei o que você deve estar pensando, que eu fingi ser da nova tal forma. A resposta é sim, eu fingi. Fingi para que essa nova ação ficasse gravada no meu cérebro como o “modo certo de agir diante de certas ocasiões”. Era necessário, ainda é.

E esse dia foi incrível. Aconteceu tanta coisa boa e, depois de muito refletir, percebi que essas coisas não aconteceriam se eu tivesse ainda encarando as coisas daquele jeito que a antiga eu fazia. Essa nova eu fazia muito mais sentido agora, dentro do contexto atual.
Por fim, percebo o quão as mudanças são necessárias ao longo da nossa vida, nada permanece im…

Maratona de Férias 2017: primeira semana

Estão lembrados da maratona? Semana passada eu mostrei a lista de livros pra vocês, hoje eu vim mostrar os resultados da primeira semana.

Foi uma semana complicada e cheia de distrações, mas consegui terminar dois livros e começar outros dois:

1) Dias Perfeitos - Raphael Montes 2) Química - Stephanie Meyer    3) November 9 - Colleen Hoover (em andamento) 4) Entre sonata e punk - Babi Dewet 5) A menina dos olhos molhados - Marina Carvalho (⭐⭐⭐) 6) Cidade das almas perdidas - Cassandra Clare 7) Um perfeito cavalheiro - Julia Quinn 8) Peter Pan tem que morrer - John Verdon  (⭐⭐⭐⭐⭐) 9) Cidade banida - Ricardo Ragazzo 10) E não sobrou nenhum - Agatha Christie  11) S. Bernardo - Graciliano Ramos 12) Confissões de uma garota excluída mal-amada e (um pouco) dramática - Thalita Rebouças 13) Traços - Eduardo Cilto 14) Aonde quer que eu vá - Beatriz Cortes 15) Minhas palavras - Raquel Morelli (em andamento) 16) Garra - Angela  Duckworth 17) O navio das noivas - Jojo Moyes 18) Luna Clara & Apo…

Maratona de Férias 2017

O clássico das férias voltou! Quem ai não estava conseguindo prosseguir as leituras com tantas coisas para fazer? Bem, eu não estava e por isso decidi fazer uma maratona para tirar o atraso (que é imenso). Ela vai durar três semanas, do dia 1 de julho ao dia 22 de julho e possui uma lista de nada mais nada menos que 20 livros (isso mesmo V-I-N-T-E).
A lista de livros:
1) Dias Perfeitos - Raphael Montes 2) Química - Stephanie Meyer    3) November 9 - Colleen Hoover  4) Entre sonata e punk - Babi Dewet 5) A menina dos olhos molhados - Marina Carvalho 6) Cidade das almas perdidas - Cassandra Clare 7) Um perfeito cavalheiro - Julia Quinn 8) Peter Pan tem que morrer - John Verdon  9) Cidade banida - Ricardo Ragazzo 10) E não sobrou nenhum - Agatha Christie  11) S. Bernardo - Graciliano Ramos 12) Confissões de uma garota excluída mal-amada e (um pouco) dramática - Thalita Rebouças 13) Traços - Eduardo Cilto 14) Aonde quer que eu vá - Beatriz Cortes 15) Minhas palavras - Raquel Morelli 16) …

[Resenha] Érica - Larissa Barros

Imagem
Cinco atentados ao redor do mundo interligados por alguma razão. A vida dela estava prestes a mudar e ela nem fazia ideia disso.
Uma garota inteligente, bonita e na iminência dos 15 anos, poderíamos falar que ela era muita coisa, menos comum. Érica mora em Fortaleza com os pais, tem amigos que se importam com ela e é uma boa garota. Mas isso tudo muda com uma grande tragédia que esta por vir.

"Eles haviam arruinado a sua vida por algum ideal idiota. Assassinaram seus pais para impedi-la de fazer algo presumidamente perigoso. A raiva foi substituída pela determinação. Ela não deixaria que a morte de seus pais fosse em vão. Faria o que não queriam que fizesse: enfrenta-los".



O enredo é interligado  e conta as cinco histórias alternadamente, o que pode ser encarado de duas formas: a autora não deixa que nos esqueçamos das histórias de cada local e, isso corta o ritmo de leitura. Ambas estão corretas, mas no decorrer do livro nos vamos nos acostumando ao jeito de escrita da auto…

[Resenha] O Bisturi de Ouro - Chaiene Santos

Imagem
Quanto vale um sonho? Vale perder vidas para alcança-lo? Vale procurar vingança durante a vida inteira e perder a própria?
Em O Bisturi de Ouro acompanhamos a história de Eduardo que mantém uma vida simples com a família. Apesar de ter o sonho de se tornar um respeitado médico não se importa muito com o mesmo, já que precisa se desdobrar para trabalhar e estudar, mas se depender de sua mãe ele irá alcança-lo. Ele sempre foi um menino muito educado e estudioso, teve a chance de estudar em um colégio particular devido ao emprego de seu pai.

Nesse mesmo colégio ele conhece Glauco, que vira seu amigo, daqueles que nem precisa de inimigo, sabe? Glauco tem inveja de tudo que Eduardo tem, mesmo que ele seja rico e possua todas as regalias que se possa ter. O ápice dessa inveja é quando ela vira um crime. Glauco ultrapassa o limite e vai se complicando cada vez mais para esconder esse feito.

Aos trancos e barrancos Eduardo vai mostrando que tudo é possível se você acreditar e se empenhar par…

(Resumo) O Cortiço - Aluísio de Azevedo

A obra de Aluísio de Azevedo tem caráter descritivo, com o narrador onisciente apessoal, que está em todos os lugares, sabe de tudo, mas não é um personagem. O contexto histórico é do final do século XIX, usando dois espaços: o Cortiço e a residência de Miranda. A obra está inserida no naturalismo, que explicam o comportamento dos personagens com base na influência do meio, da raça e do momento histórico.

O enredo inicia-se com uma contextualização sobre João Romão, abordando sua história desde a época em que era apenas um funcionário da venda até o momento em que a toma para si e parte em busca de enriquecimento. Explorando Bertoleza, escrava que trabalha em uma quitanda no mesmo bairro até o momento da morte do homem que era designado a cuidar para que ela  não fugisse. Após o falecimento do mesmo João Romão começa a esboçar interesse em Bertoleza que, por sua vez torna-se sua amante, a faz trabalhar de domingo a domingo e, engana-a com uma falsa carta de alforria. Sua ambição fica …

Vai dar tudo certo!

O ensino médio chega para dar um choque em nossas cabeças e nos avisar que crescemos. É durante esses três anos que você será preparado e receberá a pressão de escolher um curso e ser ótimo no vestibular para entrar em uma universidade.
E, se o curso escolhido não for um que seja tão bem visto perante a sociedade já viu, né? Irá escutar as mais variadas “dicas” de profissões que as outras pessoas acham que é melhor para você.
Essa pressão incomoda, atrapalha, inunda a cabeça do jovem durante todo o processo. A ansiedade aparece e o dia do resultado demora, criando mais expectativa é nervosismo.
É genuíno ser aprovado naquele curso que você sonhou a vida inteira em fazer. É ótimo olhar pra trás e ver o quanto evoluiu, o quanto cresceu e amadureceu. Ver que é capaz de fazer o que quiser.
E, se você não passou, não se preocupe. Estude mais um ano, se dedique mais, você sabe que consegue, sabe que vai dar tudo certo!

Tenha em mente que você não irá “perder” um ano, você vai ganhar mais u…